Pianista André Mehmari faz turnê nos USA

Foto:  Dani Gurgel
Foto: Dani Gurgel
André Mehmari

Pianista, arranjador, compositor e multiinstrumentista, nasceu na cidade de Niterói-RJ em 22 de abril de 1977. Teve seus primeiros contatos com a música através de sua mãe aos 5 anos de idade já em Ribeirão Preto-SP.

Mudou-se para São Paulo em 1995, com seu ingresso na ECA-USP. Tornou-se mais conhecido pelo grande público quando venceu em 1998 o primeiro Prêmio Visa de MPB. Participou como solista em importantes festivais de jazz brasileiros como o Chivas Jazz, o Heineken Concerts (com Mônica Salmaso) e o TIM Festival, e internacionais como o Spoleto Festival USA (André Mehmari Trio) e Blue Note Tokyo (turnê japonesa de Joyce e Dori Caymmi).

Apontado como um dos mais originais músicos da cena brasileira e premiado tanto na área erudita (Nascente-USP, Concurso Camargo Guarnieri e Prêmio Carlos Gomes) quanto popular (Visa, Nascente-USP) , André já teve suas composições e arranjos tocados por alguns dos mais expressivos grupos orquestrais e de câmara brasileiros, entre eles OSESP, OSB, Sujeito a Guincho e Quinteto Villa-Lobos.

Como instrumentista já atuou ao lado de Milton Nascimento, Sérgio Santos, Guinga, Mônica Salmaso, Toninho Horta, Flávio Venturini e Alaíde Costa, entre muitos outros nomes da música popular brasileira.

O CD Lachrimae apresenta além de composições próprias, recriações de clássicos da nossa rica música popular. Seu recente projeto “Piano e Voz”, com a cantora Ná Ozzetti, lançado em CD e DVD, é considerado uma obra prima pela crítica especializada.

Em 2007 recebeu o prêmio Carlos Gomes na categoria revelação e foi apontado compositor residente para a Banda Sinfônica do Estado de São Paulo. Recentemente criou música orquestral para a abertura oficial dos Jogos Panamericanos Rio 2007 e teve uma obra estreada pela pianista Maria João Pires, na Europa.

Gravou ‘Contínua Amizade’, em parceria com Hamilton de Holanda, e ‘De Árvores e Valsas…’, inteiramente dedicado às suas composições. Encerrou a temporada de câmara da OSESP 2008, na prestigiosa Sala São Paulo, com lotação máxima, num concerto histórico. Lançou em 2009 o álbum ‘Miramari’, com o virtuoso clarinetista italiano Gabriele Mirabassi. Com ‘Nonada’, foi indicado ao Grammy latino em 2008. Idealizou e estreou ‘Afetos’, um projeto que estabelece pontes entre a música barroca e a canção brasileira.

Pianist, arranger, composer and multi-instrumentalist, André Mehmari became better known by the general public when he won in 1998 the first Visa MPB Award. He participated as a soloist in important Brazilian jazz festivals such as Chivas Jazz, the Heineken Concerts (with Monica Salmaso) and the TIM Festival, and international as the Spoleto Festival USA (André Mehmari Trio) and Blue Note Tokyo (Japan tour of Joyce and Dori Caymmi).

Named as one of the most original musicians of the Brazilian scene and awarded both the classical area (East-USP, Contest Camargo Guarnieri and Carlos Gomes Award) and popular, Andrew has had his compositions and arrangements played by some of the most expressive orchestral and chamber Brazilian groups, including OSESP, OSB, Sujeito a Guincho and and Quinteto Villa-Lobos.

As an instrumentalist has worked next to Milton Nascimento, Sergio Santos, Guinga, Monica Salmaso, Toninho Horta, Flávio Venturini and Alaíde Costa, among many other names in Brazilian popular music.

In 2007 he received the Carlos Gomes Award in the revelation category and was appointed resident composer for the band Banda Simfônica do Estado de São Paulo. Recently he created orchestral music for the official opening of the Pan American Games Rio 2007 and had a work premiered by pianist Maria João Pires in Europe.

He recorded ‘Contínua Amizade’, in partnership with Hamilton de Holanda, and ‘De Árvores e Valsas…’, entirely devoted ‘his compositions. He ended the season of chamber OSESP 2008 in the prestigious Sala São Paulo, with maximum capacity, a historic concert. Released in 2009 the album ‘Miramari’ with virtuoso clarinetist Gabriele Italian Mirabassi. With ‘Nonada’, it was nominated for a Latin Grammy in 2008. He devised and debuted ‘Afetos’, a project that builds bridges between baroque music and Brazilian song.

André Mehmari:
July 31st: Concert of Toledo Museum of Art, Toledo, Ohio
August 2nd: Rehearsal at Columbia University, NYC, New York
August 3rd: Rehearsal at Columbia University, NYC, New York
August 4th: Concert at Bard College, Annadale-on-Houston, New York
August 5th: Concert at Orpheum Theater, Tannerville, New York
August 6th: Concert at Falls Village, Connecticut
August 7th: Concert in All Souls Church, Tannesville, New York

For more informations, please, contact:
Sheila Silva
+1 (917) 982 7449

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s